segunda-feira, Julho 3

O Leopardo

de Luchino Visconti é um filme de 1963.


Aqui o príncipe de Salina (Burt Lancaster) e Angelica (Claudia Cardinale)

Vemos este filme pela primeira vez em cinema – no cinema Charlot em Setúbal – mas continua a ser uma obra-prima da 7ªArte. Um realismo histórico notável transmite um sentir de época (1860) em que Itália sofre algumas convulsões politicas em torno da figura de Garibaldi, herói revolucionário, mas que ficou mais conhecido como um romântico na sua Itália.

O retrato de um mundo em transição onde “é necessário mudar alguma coisa para que tudo fique na mesma” é o que fica como moral desta história. Aliar a velha aristocracia aos novos ricos em ascensão é o remédio encontrado pelo príncipe para perpetuar algum do seu poder.

Um filme a não perder, fundamentalmente para quem queira compreender mais sobre a natureza dos povos do sul da Europa. Por isso, para nós, muito educativo…


Sem comentários: