sábado, março 10

A VIDA ÍNTIMA DE UMA OBRA PRIMA




Georges Seurat

Un dimanche après-midi à l'Ile de la Grande Jatte

1884-86




é um programa/documentário em torno de um quadro. Dá-nos uma perspectiva completa da obra, do autor e da sua época. Debruçando-se bastante sobre as questões técnicas e estéticas da pintura para além da questão do tema, normalmente mais abordado, neste tipo de documentário "artístico".

O que estamos a ver é sobre Seurat e em torno da sua tela “Un dimanche après-midi à l'Ile de la Grande Jatte” onde a sua técnica “inovadora” o «Pontilhismo» é dissecado de forma muito interessante. Não só na sua dimensão pictórica mas também na cientifica, abordando a teoria da cor. Para além de mostrar o quanto o artista, apesar de inovador é tributário da cultura artística que o antecedeu. Neste quadro, o documentário estabelece um paralelo entre as sua figuras estáticas e a arte Egípcia, que fortemente o influenciaram e, neste quadro “domingueiro”, serviam para acentuar os códigos representativos que pretendia tornar evidentes nesta representação social de bem-estar.

A não perder. Muito bom para todos os amantes da Arte com A maiúsculo.

Sexta-feira na 2, pelas 23.30h.

1 comentário:

cruz disse...

A série é realmente muito boa e está a ser repetida actuamente (3ªs feiras 22h30 e sábados de manhã)